logo Rosa Maria © 2014 renovar a mouraria. Todos os direitos reservados

Rosa Maria [projecto]

O ROSA MARIA é um jornal sobre as pessoas e os acontecimentos da Mouraria, mas também sobre assuntos nacionais e internacionais relacionados com os habitantes do bairro. Criado para preservar e divulgar o imenso património humano, histórico e cultural do território, a capa tem sempre como protagonista um residente local. No ROSA MARIA a palavra Informação rima com Razão e Coração.

Porquê ROSA MARIA? A Renovar a Mouraria lançou um desafio a todos os que quisessem participar na escolha do nome do jornal. Num dos encontros, e após muitas sessões para a escolha decisiva do nome do jornal, sem que nenhum nos enchesse as medidas, entra pela porta a fotógrafa Adriana Freire, com a sua perdigueira Rosa Maria em grande alarido. Em jeito de pregão, a Adriana chamou-a: “Oh Rosa Maria, anda cá!” Ficou Rosa Maria. Este é um nome mítico da Mouraria imortalizado no fado “Há Festa na Mouraria”, de Gabriel de Oliveira e Alfredo Marceneiro. Atrevida e virtuosa era essa Rosa Maria, e esta publicação também.

O projecto está bem ilustrado numa reportagem da RTP no programa O Nosso Tempo, começando com uma ronda de distribuição porta-a-porta numa tarde de Agosto de 2012 e sem faltar a perdigueira que despoletou o momento eureka no baptismo deste jornal [clica abaixo sobre a imagem para ver a reportagem, com início ao minuto 19].

rtp_rosa 1

 

O ROSA MARIA é editado pela Associação Renovar a Mouraria desde 2010 e produzido por todos os que queiram participar, envolvendo jornalistas, fotógrafos, ilustradores, designers gráficos, voluntários e moradores.

Dez mil exemplares são distribuídos gratuitamente duas vezes por ano, em Junho e Dezembro, com distribuição porta-a-porta na Mouraria. Noutros pontos de Lisboa, os exemplares são colocados em universidades, teatros e outros estabelecimentos culturais, institucionais e comerciais.

Na Mouraria todos conhecem o ROSA MARIA, 58% lêem-no regularmente e 30% já participaram sendo entrevistados, fotografados ou produzindo conteúdos. São os resultados de um inquérito realizado no bairro pela consultora Augusto Mateus & Associados no âmbito da avaliação “Contributo das intervenções do Qren para a inclusão social de indivíduos residentes em territórios urbanos problemáticos”, divulgado em Junho de 2013 . Documento aqui.

O projecto foi financiado em 80% por fundos europeus, através do QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional), do número zero ao número quatro; financiado integralmente pelo PDCM (Programa de Desenvolvimento Comunitário da Mouraria) no número cinco e, a partir daí, através de publicidade, contando com recursos humanos contratados pela Associação Renovar a Mouraria ao abrigo de programas do IEFP (Instituto do Emprego e Formação Profissional).

O ROSA MARIA desperta a atenção de vários órgãos de comunicação. Eis as reportagens no Público, na Time Out, nos programas O Nosso Tempo e Nós (RTP), no Meios & Publicidade e no France 5, o canal público francês de cultura.

Em 2015, O Rosa Maria recebeu o Prémio de Comunicação pela Diversidade Cultural, atribuído pelo Alto Comissariado Para as Migrações, na categoria de Fotojornalismo com a reportagem Transmouraria, de Marisa Moura e Carla Rosado.

Para mais informações:
E-mail: rosamaria@renovaramouraria.pt
Tel.: +351 218 885 203 ou + 351 922 191 892

Alguns cartazes que estiveram na origem do projecto:

cartaz procura-se nome jornal

cartaz procuram-se ideias para rosa maria

 

 

 

 

 

 

 

cartaz jornal 1

cartaz-oficinas-Rosa-Maria_

 

 

 

 

 

 

 

 

FAMI_versão definitiva 03 03 2017